MARKETING DE CONTEÚDO – INVISTA AGORA OU PERCA DINHEIRO!

MARKETING DE CONTEÚDO – INVISTA AGORA OU PERCA DINHEIRO!

Você sabe o que é marketing de conteúdo? Se ainda não sabe, vamos lá!

O marketing de conteúdo nada mais é do que uma forma de marketing que envolve a criação e o compartilhamento de conteúdos instrutivos.

E tem como principal objetivo, conquistar e educar os clientes.

O conteúdo pode ser em forma de notícias, de vídeos com informações interessantes, de e-books, com postagens em blogs, de imagens e textos em forma de perguntas e respostas, entre outros.

Para atender o seu objetivo, o marketing de conteúdo não deve ser focado exclusivamente na busca por vendas.

E sim, voltar-se para a comunicação da empresa diretamente com os clientes e na busca por novos clientes.

O conceito de marketing de conteúdo tem como base a fidelização de clientes. Isto é, entregando-lhes informações relevantes e valiosas, e sempre de forma consistente.

A produção de conteúdo tem como objetivo estabelecer proximidade com o cliente e resolver suas dúvidas.

Ou seja, anular suas objeções e apresentar dicas importantes dentro de um processo de funil de vendas. Porém, sem intenção comercial direta, mas com intenção educacional.

Assim, o marketing de conteúdo se transforma numa grande ferramenta para atrair clientes fiéis.

Ele produz resultados altamente positivos, tais como: aumento das vendas, engajamento dos clientes potenciais e a geração de leads.

O marketing de conteúdo é conhecido também como marketing de atração. O seu objetivo principal é conquistar o interesse das pessoas.

E isto é feito através de informações e conteúdos que depois serão transformados em vendas.

O que se contrapõe quando trabalhamos com o marketing tradicional. Isto é, somente oferecer serviços e produtos.

E muitas vezes fazendo isso em momentos inoportunos para os usuários da internet.

Eles simplesmente ignoraram as propagandas e as campanhas de e-mail voltadas somente para produtos e serviços.

 
 
 

O Processo do Marketing de Conteúdo!

o processo do marketing de conteúdo

O processo de marketing de conteúdo é montado sobre alguns procedimentos.

Para isso, devemos seguir alguns passos específicos:

1. Atrair clientes

A atração de clientes deve ser feita através de produção de conteúdos em e-books, artigos, vídeos, palestras e infográficos.

Utilize sempre as técnicas de SEO, investindo em links patrocinados, divulgando nas redes sociais e nas campanhas de e-mail marketing.

 

2. Converter leads

Na segunda fase do marketing de conteúdo são criados conteúdos mais relevantes e aprofundados.

Conteúdos entregues somente para quem deixou contatos, oferecendo promoções através das landing pages e por e-mail marketing.

 

3. Manter relacionamento

Os contatos obtidos passam a fazer parte constante da comunicação com remessa de conteúdos adicionais.

E isso é feito através de e-mail marketing ou de interações nas redes sociais.

 

4. Conversão em vendas

Finalmente, na última etapa, passa-se para a geração de conteúdos diretos com ofertas, promoções e busca de conversões com os contatos obtidos.

Lembrando que esses contatos já foram devidamente educados através dos conteúdos e relacionamentos das etapas anteriores.

 
 

Download Gratuito

Então, que tal baixar um incrível e-Book grátis para aprender a trabalhar e ganhar dinheiro com o Fantástico Marketing de Afiliados?

ebook-marketing-de-afiliados-700x310

 
 
 

Marketing de Conteúdo Para Popularizar Uma Marca!

O marketing de conteúdodentro do marketing digital é a ferramenta mais utilizada para popularizar uma empresa.

Ela é utilizada também para fazer a propaganda e a divulgação de uma marca para torná-la conhecida.

Em outras palavras, é a principal estratégia de marketing para vender qualquer coisa na internet.

Para colocar em prática o marketing de conteúdo, você deve saber exatamente o que fazer.

Isto é, é preciso criar uma campanha com começo, meio e fim. Buscando os objetivos finais e oferecendo sempre informações úteis e de valor.

Assim, estará colocando em movimento o objetivo de fazer com que eles aceitem os produtos e os comprem.

É claro, sabendo que serão úteis e que irão resolver seus problemas.

marketing de conteúdo para popularizar uma marca

Um bom modelo de marketing de conteúdo podemos encontrar nos artigos de “como fazer” e naqueles artigos que mostram como as coisas e objetos funcionam.

Foi feita uma pesquisa com empresas de marketing norte-americana sobre o comportamento de clientes frente a decisão final de compra.

Tal pesquisa, mostrou que mais de 60% das pessoas decidiram pela compra de um produto depois de ler artigos informativos sobre o produto.

Podemos entender que eles não chegaram a decidir pela compra dos produtos em virtude dos anúncios.

Mas, fizeram a compra depois de ler um artigo imparcial e informativo sobre como o produto funcionava.

E também, quando souberam quais eram os benefícios que ele poderia trazer se a pessoa o adquirisse.

Como você pode ver, quando temos um produto ou serviço e pretendemos torná-lo conhecido, precisamos entender as técnicas que envolvem o marketing de conteúdo.

Em outras palavras, vai ser preciso investir em conteúdos úteis relacionados ao seu nicho de mercado para conseguir sucesso nos negócios online.

 
 
 

O Marketing de Conteúdo Não é Só Atração de Leads!

marketing de conteúdo não é só atração de leads

O marketing de conteúdo foi, certamente, a maior descoberta do marketing de uma forma geral.

As empresas entenderam que os usuários da internet buscavam, principalmente, por conteúdos informativos sobre produtos e serviços.

E somente depois é que decidiam tomar uma ação concreta. Isto é, comprando o produto ou fazendo o uso do serviço oferecido.

Diante disso, estabeleceu-se um novo conceito para o marketing.

A qual tomou um novo caminho, ou seja, oferecendo conteúdos informativos para depois partir em busca das vendas.

Os buscadores da internet como o Google, o Yahoo e o Bing, logo perceberam essa tendência entre os usuários.

Sendo assim, as empresas e os empreendedores online colocaram como prioridade a qualidade de conteúdos publicados através dos sites e dos blogs.

Ou seja, passaram a colocar informações realmente importantes e que agregassem algum valor para atrair clientes.

A qualidade, no entanto, não deve ser só com a produção do conteúdo em si, mas também na adequação ao perfil e tipo de clientes.

Eles são o alvo da empresa e no momento da compra, aquele cliente se encontra dentro do funil de vendas (na conhecida jornada da compra).

Os especialistas em marketing perceberam que uma produção de conteúdo adequada ao momento da compra, aumentava o fechamento concreto de vendas.

O fato deixa evidente a preocupação do marketing em ir além da simples busca por leads.

Os profissionais de marketing digital entenderam que as técnicas de SEO (Search Engine Optimization) deveriam ficar cada vez mais atrelada ao conteúdo.

Portanto, a solução única do marketing é procurar entender o que os usuários estão buscando na internet e não apenas ofertar produtos e serviços.

Em outras palavras, oferecer um conteúdo de valor para atrair os leads e mostrar os benefícios de seus produtos ou serviços.

E, somente depois, fazer a oferta dos mesmos.

 
 
 

Marketing de Conteúdo, Interação de Igual Para Igual Com o Cliente!

marketing de conteúdo, igual para igual

Com o crescimento da internet, abriu-se uma nova perspectiva para o marketing. Isto é, a interação de igual para igual da empresa com o cliente.

Durante a implantação da internet e mesmo antes, o marketing era feito de outra forma.

As empresas tinham o hábito de apenas fazer discursos para os consumidores.

Ou seja, passava as informações sobre produtos e serviços com o interesse apenas voltado para as vendas.

Não havia qualquer cuidado com os canais de interação, com o feedback e com o eventual impacto negativo de suas mensagens.

A partir do início do século 21, os usuários de internet – que são também os consumidores – passaram a formar a sua própria opinião.

Não apenas em virtude das comunicações de marketing, das ações publicitárias e da propaganda.

E sim pelo compartilhamento das opiniões de outros usuários.

Esse compartilhamento é feito principalmente através das redes sociais e pelos sites de busca.

Sempre que um usuário recebe uma comunicação corporativa que lhe interessa, procura se informar mais através da internet.

Para quando tomar uma decisão de compra, ele estará mais informado sobre aquilo que está consumindo.

É um comportamento novo, que exige também novas técnicas para promover vendas.

 
 
 

Marketing de Conteúdo, Voltado Para as Necessidades do Cliente!

marketing de conteúdo para necessidades do cliente

Atualmente, sempre que um consumidor fica sabendo sobre um novo produto, sua primeira atitude é de pesquisar e buscar mais informações na internet.

Ele vai em busca de uma jornada de descobertas sobre o produto, o serviço, o problema que pode ser resolvido e assim por diante. 

A grande preocupação do marketing digital não está mais nos concorrentes e nem no avanço da tecnologia.

E sim, com o modo de pensar do consumidor.

Diante desse novo contexto, a melhor estratégia é informar o consumidor sobre assuntos relativos à área de atuação da empresa.

Portanto, é necessário fornecer gratuitamente um conteúdo capaz de ajudar a resolver os problemas do consumidor, levando a ele uma solução.

O processo é bastante simples: a empresa oferece alguma coisa de graça para o consumidor.

Isso fará com que ele tenha uma boa imagem da empresa e saberá que ela é uma autoridade no assunto.

Quando o consumidor precisar, ele vai se lembrar da empresa e fazer a compra que tanto interessa a ele e a empresa.

Como já dissemos, o marketing de conteúdo está relacionado a conhecimentos.

Isto é, construindo e consolidando a imagem através dos mais diversos formatos.

Vale a utilização de fotos, infográficos, vídeos, textos, tweets, e-books, e-mails, aplicativos, pesquisas, slides, entre outros formatos.

Ou seja, o segredo principal está em descobrir que tipo de conteúdo funciona melhor para o público-alvo da empresa.

 
 
 

O Modelo de Marketing Centrado no Conteúdo!

marketing de conteúdo centrado no conteúdo

Portanto, podemos entender que o marketing digital deve ser planejado dentro de uma estratégia de marketing de conteúdo.

Ou seja, centrando as ofertas de cada empresa nas necessidades dos clientes.

Este modelo de marketing é pensado a partir do Marketing 3.0, que humaniza as estratégias.

Ele coloca o cliente no centro das atenções do marketing, como sempre deveria ter sido feito.

O marketing de conteúdo deve saber usar a informação como diferencial, voltar-se para o conhecimento que o consumidor está buscando.

Hoje nem todas as empresas estão preparadas para se posicionar no novo conceito de marketing de conteúdo.

O que tem levado a entrar em disputa com seus clientes, quando deveriam se aliar a eles para atingir suas metas internas e realizarem suas missões.

Portanto, é necessário que tais empresas amadureçam para o marketing de conteúdo.

Ou seja, criando a ponte para a transição de um marketing focado em transações para um marketing focado em relacionamentos.

 
 
 

Aplicando o SEO e o SEM no Marketing de Conteúdo!

aplicando seo no marketing de conteúdo

Fazer marketing de conteúdo não é um trabalho a ser feito por qualquer profissional.

Também não se deve pensar que seja um trabalho para um publicitário.

O marketing de conteúdo deve ser encarado como um projeto jornalístico.

Ou seja, deve conter informações realmente relevantes para cativar o público através da qualidade.

Não basta, então, escrever apenas aquelas velhas frases utilizadas no marketing convencional. 

Como estas: “promoção relâmpago”, “oferta imperdível”, “não perca essa oportunidade” e outras dezenas delas, já tão batidas e surradas.

Expressões como essas são típicas do marketing convencional.

Até podem dar certo quando a campanha é discursiva, boca a boca, ou mesmo quando é exposta num ambiente comercial fixo.

Ao trabalhar com marketing de conteúdo, o que você vai precisar utilizar são técnicas de marketing digital.

Isto é, deve trabalhar basicamente com SEM e com SEO.

O SEM – “Search Engine Marketing´´ é um conjunto de técnicas da publicidade online capazes de fazer com que você promova um site rapidamente. 

Ele é dividido em duas vertentes: o SEO e os links pagos. 

1. SEO e o Marketing de Conteúdo

SEO é uma técnica que envolve a utilização de palavras-chave, de links em conteúdo, de fatores on e off page, além de outras.

Todos esses fatores estão voltados para fazer com que o artigo fique otimizado para os mecanismos de busca.

Para usar o SEO, o site precisa estar organizado em uma arquitetura específica.

Ou seja, precisa estar em uma plataforma que suporte esse tipo de customização.

O SEO é o líder das técnicas de marketing de conteúdo.

Não há como ter sucesso na divulgação de um blog, de um site ou de um e-commerce se você não aprender a utilizar essa técnica a seu favor.

 

2. Links Pagos e o Marketing de Conteúdo

Os links patrocinados são estratégias de publicidade para promover o seu site.

Por exemplo: o Google AdWords, o Bing Ads, o Facebook Ads, entre outros.

Esse tipo de técnica utiliza um modelo conhecido como “pay per click” ou “custo por clique”.

É um sistema onde você paga proporcionalmente ao número de cliques que receber.

 
 
 

Como se Dar Bem Com o Marketing de Conteúdo!

marketing de conteúdo para necessidades do cliente

Caso você já tenha o domínio sobre as técnicas citadas acima, parabéns! Você é uma pessoa preparada para entrar no marketing online.

Mas, para não perder dinheiro, existem alguns erros que não podem ser cometidos ao fazer uma campanha de marketing de conteúdo:

1. Não utilizar uma linguagem clara

Os leitores na internet não querem saber de enrolação.

Ninguém está a fim de ficar encontrando termos técnicos em exagero nos seus artigos e, se você os coloca, precisa explicá-los.

Isso porque não é apenas um grupo de pessoas que procura informações através dos mecanismos de busca.

Todos os tipos de pessoas, desde as mais leigas até às mais doutas, esperam encontrar soluções para os seus problemas.

 

2. Falar comente sobre o produto

Caso você tenha um blog associado a vendas, falar somente sobre os produtos pode até acelerar o processo de lucratividade de sua empresa.

Contudo, é preciso que você saiba que o seu site ou blog não deve falar apenas dos produtos de sua empresa.

O marketing de conteúdo deve ser voltado para vários assuntos que circundam o tema principal de seu e-commerce.

Assim, por exemplo, se você tem uma empresa de produtos de informática, por que não falar sobre tecnologia?

Passe dicas para os seus clientes sobre como escolher os produtos, quais são os melhores, como conservá-los, e outras informações úteis.

Muito mais do que um simples vendedor, você precisa ser uma fonte de informações. Este é o seu principal trabalho no marketing de conteúdo.

 

3. Produzir textos com pouco conteúdo

Você não precisa ficar dando voltas para falar de um determinado assunto e não pode ser também “raso demais” quando se trata de marketing de conteúdo.

O texto que você desenvolver precisa agregar algum tipo de conhecimento.

Isto é, você precisa passar para os seus clientes a sensação de que você sabe muito mais do que está falando.

 

4. Não montar uma pauta forte

As palavras-chave que você colocar no seu marketing de conteúdo precisam ser sempre as palavras certas.

Palavras-chave são, na verdade, frases ou pedaços de pensamentos vindos dos leitores.

Todo mundo, quando vai utilizar um mecanismo de pesquisa online, procura por determinadas palavras.

Por exemplo, se você está querendo aprender um curso online de italiano, irá colocar na ferramenta de busca as palavras “curso online de italiano”.

Certamente você vai encontrar um artigo sobre curso online de italiano que tenha como palavra-chave a expressão que você digitou no Google ou em outra ferramenta de pesquisa online.

Para conseguir montar uma pauta forte de palavras-chave, você pode utilizar o Google AdWords: Keyword Planner, que vai ajudar na sua busca de palavras-chave mais procuradas no momento.

 
 
 

Finalizando Sobre … Marketing de Conteúdo!

finalizando sobre marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo é uma estratégia de construção de imagem realmente eficiente para que o cliente possa criar uma identificação com a marca.

Não se trata de uma estratégia nova e sim de uma técnica eficaz.

Ela vem sendo aplicada há algum tempo por grandes marcas que desejam criar um relacionamento duradouro com seus clientes.

A grande diferença no marketing de conteúdo é que, desde agora até o futuro, ele deve se tornar a única forma de atingir um consumidor.

Uma vez que, ele está se acostumando a gerenciar o próprio conteúdo, aprendendo a escolher o que lê e, principalmente, tendo o poder de decisão totalmente em suas mãos.

Como deu para perceber, o marketing de conteúdo não é trabalho para quem tem preguiça de pesquisar.

Se você pretende ganhar um bom dinheiro na internet, é necessário que arregace as mangas e comece a produzir um conteúdo de qualidade agora mesmo.

Se você gostou do artigo sobre o Marketing de Conteúdo, compartilhe nas redes sociais com seus amigos: Facebook, Google+, Twitter, … entre outras. 

Ou então, deixe um comentário com a sua opinião, críticas, sugestões e possíveis dúvidas. Para nós é muito importante!

 

Que tal aprender mais sobre estratégias de Marketing Digital para aplicar nos seus negócios? Então, conheça esse incrível curso que vai te levar a um outro nível de conhecimento, satisfação e performance.

banner-gestordemarketing-812x100 

 
 

Opa! Junte-se a Nós e Faça Parte da Nossa Lista VIP  de Mais de 2.386 Pessoas Para Receber Todas as Atualizações do Nosso Site.

Respeitamos a sua privacidade. Nunca enviaremos SPAM.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!